Vivo um pesadelo quase todos os dias. A alguns anos atrás, meu tio veio morar conosco pois em sua cidade, estava ruim de emprego, então ele veio passar uns dias aqui até consegui um e se mudar. Foi aí onde tudo começou.

Tenho 14 anos ainda e não merecia passar por isso, por um pesadelo assim... Começou com alguns abraços e carinhos. No início não achava tão estranho pois ele era meu tio, não via mal nisso, mas as coisas começaram a ficar bizarras de mais para mim.

Após alguns dias, quando ele estava só, me pedia para sentar em seu colo, passava a mão por dentro de minha camisa e me pedia para tirá-la. Me dizia que se contasse algo eu nunca mais veria meus pais. Não podia fazer nada a não ser obedece-lo.

As coisas se intensificaram até chegar ao ponto da consumação do seu ato nojento. Isso se repetiu por meses. Meus pais trabalhavam e como ele ficava todo tempo em casa, quando chegava da escola, acontecia tudo de novo.

Não aguentava mais esse pesadelo, então decidi fazer justiça. Coloquei veneno em sua bebida quando cheguei da escola. Ele me pediu para tirar a roupa, disse que tinha uma surpresa para ele. Fui até a cozinha, peguei o copo com suco, coloquei o veneno e ofereci para ele tomar. Dentro de segundos ele morreu.

Achava que seria o fim, mas não.

Agora, todas as noites, ouço passos na casa, vejo a porta do meu quarto se abrir e sou violentada pelo meu tio mesmo depois de cinco meses que o matei.

Esse pesadelo não terá fim!