Eu a conheci em uma feira de ciências quando tínhamos apenas 14 anos de idade, desde então, busquei me aproximar ainda mais, construindo uma amizade que, logo adiante, poderia se tornar em um namoro solido e duradouro.

Alguns meses se passaram desde o evento e continuávamos firme em nossa amizade, cada vez mais próximos. Tornamo-nos melhores amigos e, praticamente, fazíamos e gostávamos das mesmas coisas. Buscávamos sair quase todo o final de semana para nos divertirmos. Moramos em uma cidade pacata no interior de Michigan e não havia muita coisa para se distrair, apenas a praça da cidade, alguns lugares turísticos e o cinema.

Inventávamos coisas novas na maioria do tempo que passávamos juntos, ela era muito inteligente e seu sorriso era o que me encantava todos os dias. Apaixonava-me por ela a cada palavra, a cada abraço dado, a cada gesto... Isso foi crescendo a medida em que o tempo passava.

No terceiro ano do Ensino Médio, ela se tornara uma linda mulher, com um corpo escultural, inteligente e independente. Uma pessoa segura de tudo que queria e sonhava. Aqui, nossa amizade solidificava ainda mais, com novas experiências, conquistas, momentos... Tudo que sempre sonhei em uma mulher, nela eu encontrara.

No dia de nossa formatura não podia deixar passar... Já nos conhecíamos há anos, vivenciamos momentos inesquecíveis e belos, mas apenas como melhores amigos, tinha que arriscar o tão esperado pedido. Duas coisas poderiam acontecer... Uma amizade abalada por um pedido de namoro ou, um começo de um belo relacionamento.

Fiz o pedido a ela assim que saímos da formatura, ela me deu um belo sorriso e disse sim. Não conseguia expressar em palavras o que senti naquele momento, uma mistura de êxtase e adrenalina tomaram conta do meu corpo... Então, sem avisar, aconteceu... Nem todos os sonhos se tornam reais assim como esperamos que aconteça, às vezes, ele é apenas um pesadelo desfaçado de uma coisa bela aos nossos olhos que nos levaram para o mais profundo abismo.

Assim que nos despedimos após a festa de formatura, ela entrou no carro de seu pai e seguiu rumo a sua casa, mas a morte, com seus planos enigmáticos, não deixou que eles completassem seu destino. Com a pista molhada, ele acabou perdendo o controle de seu carro e capotou varias vezes não dando chance de sobrevivência.

A noticia da morte de minha amada foi como uma perfuração de faca em meu coração. Justo agora quando tínhamos dado um passo tão importante, a vida prega uma peça assim. Mas não iria permitir que a morte levasse a melhor, tinha que fazer algo, e fiz...

Procurei nos livros de ocultismos algo que pudesse trazê-la de volta para os meus braços. Foi aí que descobri algo sobre os Necrófilos e tudo que precisava para trazer alguém morto de volta a vida. Não hesitei em usar esse conhecimento, de alguma forma teria ela de volta.

Fiz todos os procedimentos que precisava, a noite inteira realizando o tal feitiço e torcendo para que nada saísse errado. Ao acordar pela manhã, ela estava deitada ao meu lado, linda como sempre foi. O meu plano havia dado certo e finalmente poderia viver com minha maior felicidade. Amar quem eu me apaixonei pela primeira vez.

Teria que cuidar dela agora, para sempre. Com seu gosto peculiar por carne humana não seria uma tarefa muito fácil, mas eu a amo, mesmo sentindo o cheiro podre de sua carne em decomposição e vendo o seu sorriso bizarro sem expressão, eu a amo. Será o meu melhor DIA DOS NAMORADOS.